Paraná: mulher espancada, estrangulada e morta a tiros!!!


Uma mulher foi espancada, estrangulada e morta a tiros na localidade de Bateias, em Campo Largo. Viviane Tavares Pacheco, 30 anos, foi encontrada no início da manhã de ontem, caída em uma saibreira, às margens do quilômetro 28 da PR-090, conhecida como Estrada do Cerne. A vítima segurava um isqueiro e um cachimbo para fumar crack, indicando que o crime pode estar relacionado ao tráfico de drogas. A polícia suspeita que, durante a noite de quarta-feira ou na madrugada de ontem, os autores levaram Viviane até o local, uma região afastada, já com a intenção de matá-la. Pelo que foi apurado pela perícia, a mulher foi agredida na cabeça e estrangulada antes de ser baleada diversas vezes e tombar a cerca de 20 metros da rodovia. Nove cápsulas de pistola calibre 6.35 foram recolhidas, todas próximas ao corpo da vítima. Um detalhe que pode ajudar na investigação do homicídio são os fios de cabelo enrolados nas mãos de Viviane. É provável que sejam de um dos autores, e que tenham sido arrancados durante luta corporal com a mulher. Ao lado do corpo, estava a bolsa da vítima, com seu documento, algumas sacolas, mudas de roupas e materiais de higiene. O investigador Paulo Gonçalves, da delegacia de Campo Largo, informou que o pai de Viviane foi ouvido na tarde de ontem na delegacia e disse que a filha morava em Curitiba.

Fonte: Parana Online

Um comentário:

Roque disse...

Vemos na bela matéria do "Cinderela se rebela", que a pobre mulher foi torturada com requintes de crueldade antes de ser morta, pois foi espancada e estrangulada, para só depois ser morta com vários tiros...Trata-se de uma mulher que era viciada em drogas, mas esperamos que em breve os autores do crime bárbaro paguem bem caro pelo que fizeram. Roque Barros